quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Dia 44/365

A CAMINHADA


A voluntária de hoje foi a queridíssima jornalista, empresária da comunicação e artesã artista plástica/designer nas horas vagas Dani Acioli, que conheço de longos carnavais - quando ela ainda nem tinha fundado a troça carnavalesca "Amantes de Glória", que é sucesso absoluto tanto nas ruas da Boa Vista quanto no Recife Antigo. Dani chegou pontualmente ao local marcado (Beira-rio) e, sem cerimônia, foi logo caminhando sem mim (certa ela!). Só fui alcançá-la na segunda volta para, juntos, andarmos 5 km. Não sei se a ruivisse dela é natural ou de laboratório, mas o fato é que me senti em casa, caminhando ao seu lado. Conversamos muito sobre jornalismo, passando pelas confras, babados, venenos e tal. Mhuahahahaha. Ela me perguntou como é a sensação da endorfina - que jura nunca ter sentido, apesar de estar num esquema regular de caminhadas há uns três meses. No final do exercício, com o riso dela muito mais solto, expliquei: "isso é endorfina". 
Incrível foi o reconhecimento do público, afinal, hoje foi o primeiro dia de caminhada pós-globalização (a reportagem da TV Globo, veiculada no Globo Esporte, foi ao ar ontem à tarde - confiram no link ao lado, na seção "Estamos na Mídia"). Pelo menos três pessoas me cumprimentaram na pista de cooper, além do instrutor da Academia da Cidade que, no meio da aula, acenou e deu um grito de incentivo pra mim. Ainda bem que sou tranquilo e sei lidar com a fama. kkkkkkkkkkkk
Atividade física concluída com sucesso: 6,1 km (andei o último sozinho, para compensar o atraso). Valeu muito, ruiva!!!! 





COMO ANDA A ALIMENTAÇÃO?


Hoje fui de papinha de aveia com adoçante. Me deu uma disposição que vocês não queiram nem saber! Estou batendo as pernas até agora. kkkkkkk


VOCÊ NÃO SABE OS PASSOS QUE DEI PRA CHEGAR ATÉ AQUI...



Eu esqueço a minha bola e esqueço minha boneca quando como, como, como, como, como, como Cremogema minha papinha de aveia! É muito boa! Até nos tempos (que espero que não voltem mais) da vida sedentária e hipercalórica eu não abria mão de uma boa papa, quando podia ter essa opção. Meu pai preparava a sua com um ingrediente secreto - que só vim descobrir dia desses: uma gema de ovo (eca!). Com uma papa daquela o cara podia subir correndo a ladeira da Sé, em Olinda.  

4 comentários:

  1. A minha mãe tbm faz papa de maizena com uma gema de ovo. É uma DJILIÇA, mas é bomba mesmo.

    Aiai, deu até vontade agora...

    ResponderExcluir
  2. Porque não consigo visualizar meus comentários????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos os comentários que chegam pra mediar são aprovados. Acho que deve ter dado algum problema no preenchimento do seu.

      Excluir
  3. Só chegou porque eu coloquei como anônimo... sou eu, Vitória Morais, sua voluntária do dia 08/01/2013. Continue firme porque eu também tô na luta por aqui! Eu disse que gosto de comer farelo de aveia, diariamente, com iogurte desnatado (Paulista), adoçante, semente de chia e linhaça dourada. Tomo antes de dormir, bem devagarinho, fico me divertindo com as sementes... kkkkk... Mas se não tiver as sementes, é gostoso do mesmo jeito!

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu incentivo por escrito