segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Dia 84/365

A CAMINHADA

O que são duas bolinhas verdes caminhando no calçadão de Boa Viagem? Errou quem respondeu "ervilhas francesas de férias no Brasil". Éramos eu e o voluntário da vez: Clinton Freitas, o presidente Bill, odontologista, amante das artes (uêpa), culturas (uêpaa), músicas (uêpaaaa) e gibis (Hen-hein!). Meu amigo de longas datas e mutchas aventuras de histórias em quadrinhos. Mhuahahahahaha!
Vestimos verde sem acerto prévio, porque ambos temos esperança num mundo melhor, onde não exista a radiação de Cobalto60. Caminhamos conversando animadamente sobre hábitos nerds, seriados enlatados americanos de humor politicamente incorreto, artes marciais, piadas, dinheiro, poder e prestígio (o chocolate). Foi realmente muito animada nossa andança pela orla. Ao final, escolhi uma vítima pessoa com cara de gentil para tirar nossa foto - um senhor calvo, que por coincidência havia assistido a uma das reportagens televisivas sobre a Dieta da Rede Social. Sem nenhuma habilidade no manuseio do iPhone, o velhinho disse que eu checasse a qualidade da foto, pois suas mãos tremiam com facilidade. Qual não foi a minha surpresa em perceber que a tremida "esticou" o frame na vertical, fazendo com que eu e meu voluntário da vez fôssemos retratados esbeltos como avatares-verdes. Adorei!!
Atividade física concluída com sucesso!! Foram 6,7 km de muita tiração de onda! Valeu, Bill!!!!



COMO ANDA A ALIMENTAÇÃO?

Retomei o gosto pela salada e me deliciei com uma super caprichada de camarão. No lanche, uma cartola light (sem açúcar).


VOCÊ NÃO SABE OS PASSOS QUE DEI PRA CHEGAR ATÉ AQUI...

Chega um momento, na dieta, em que enjoamos da saladinha básica. Pelo menos comigo foi assim, uma mistura de tédio com falta de sabor. Para não comprometer demais a dieta, nos dias de fastio verde optei sempre por comer peixe ou frutos do mar, como alternativas menos nocivas, já que eu me recusei por semanas a comer mato. Mas hoje meu instinto herbívoro voltou com tudo - e eu caí de boca num pratão enorme de folhas com lâminas de maçã e uns parcos camarões miúdos. Mas valeu demais!

Um comentário:

  1. Andrey, concordo totalmente com você que salada enjoa quando você tem que comer por obrigação. Minha solução para esse problema foi deixar para comer salada em restaurante - aqui eles preparam cada uma mais linda que a outra (e gostosa também!). Em casa, acrescento as folhas onde posso, mas não é uma obrigação.

    Adorei rever Clinton!!! =)

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu incentivo por escrito