sexta-feira, 5 de julho de 2013

Dia 242/365

A CAMINHADA

Hoje inverti a logística caminhante no quarto dia de greve dos rodoviários: resolvi fazer a atividade física indo para o trabalho, em vez de fazer isso na volta. E mais: estiquei um pouquinho o percurso, para queimar uma gordurenta a mais. E assim, saí pela Aurora até a Conde da Boa Vista, cheguei na Dom Bosco, continuei pela Joaquim Nabuco, peguei pela Beira-Rio, cruzei a Nova Torre, subi o viaduto do Carrefour, enveredei pelo canal do Shopping Plaza, dobrei à esquerda na Dezessete de Agosto e segui até o Museu do Homem do Nordeste. Atividade física concluída com sucesso!!!!!!! Foram 10,15 km muito bem caminhados!!! Achei por bem fotografar a minha silhueta, para dar um toque diferente a esta postagem com cara de rotina. :D




COMO ANDA A ALIMENTAÇÃO?

Hoje eu comecei o dia tomando um inédito copo de café-com-leite e duas bolachas com requeijão. No lanche, um copo de salada de frutas. Para o almoço, encarei uma deliciosa salada de folhas, legumes grelhados, frango na chapa e batatas cozidas. À noite, minha caríssima metade fez um jantar mexicano super carregado na pimenta, e não teve guacamole nem molho de iogurte que cortasse o ardor. E foi assim que emagreci. Kkkkkkkkkk!


VOCÊ NÃO SABE OS PASSOS QUE DEI PRA CHEGAR ATÉ AQUI...

Por causa da idéia de fotografar minha sombra, lembrei de PeterPan - e por tabela, da minha capacidade incrível de até perder o(a) amigo(a), mas jamais a piada. Tenho dezenas de exemplos tragicômicos, como aquela idéia infeliz de dizer a uma menina-que-gosta-de-meninas que eu havia descoberto seu Segredo de Brockback Mountain. Pois é, uma amiga a menos (e hoje eu quase não rio mais dessa historia). Dizem que para cada mulher que odeia um homem, é um ano a menos que ele vive. É por isso que tenho caminhado tanto. :)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu incentivo por escrito