domingo, 7 de julho de 2013

Dia 244/365

A CAMINHADA

Hoje o dia foi tão intenso que a caminhada acabou postergada para o período da noite outra vez. E pior, sem voluntário. Mas eu estava lá, no Parque da Jaqueira, com uma disposição enorme para tentar superar meus limites. Mhuahahahaha! A cada passada eu tentava ir mais rápido, até que arrisquei aquela velha corridinha no esquema 100m x 100m (correr 100, andar 100). E assim, o tempo passou voando!!! Atividade física concluída com sucesso!!! Foram 11,6 km na companhia do sempre fiel Menino Jesus! Valeu demais!!!!!



COMO ANDA A ALIMENTAÇÃO?


A rotina prevaleceu na manhã, mas o almoço foi super inédito e gorduroso (Uêpaaaa!!!), pois fui obrigado a encarar um suculento "cupim" na brasa. Moderei na carne, mas não poupei no vinagrete e no feijão verde. E foi assim que eu agi como uma pessoa normal, sem neuras, mas também sem exagero na porção. ;)



VOCÊ NÃO SABE OS PASSOS QUE DEI PRA CHEGAR ATÉ AQUI...

Cupim na brasa pode? Acho que todas as dietas condenariam essa escolha (inclusive a da proteína, será?) mas esse pequeno delito gastronômico nos ensina uma importante lição, nesta reta final da Dieta da Rede Social: existirão momentos em que não será possível fazer valer a fórmula "das boas escolhas", que é a minha receita infalível diante de uma mesa farta. Escolhi muito mais o feijão e o vinagrete, mas a carne era essencial para completar a refeição sem ficar com um vazio protéico. Nessas horas, vale o bom senso para moderar na porção, e curtir o momento com aquela sensação maravilhosa de que vivemos uma vida normal, não restritiva. (Mas é claro que vivemos, por isso aproveite o momento e depois volte imediatamente aos hábitos saudáveis). Mas agora, refletindo sobre minha incrível performance caminhante de hoje, fico na dúvida se a instigação toda foi minha mesmo ou efeito colateral do cupim. ;)

Um comentário:

  1. Posso andar nos próximos dias. Bora? Vitória

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu incentivo por escrito