terça-feira, 20 de agosto de 2013

Dia 288/365

A CAMINHADA

Hoje aproveitei minha falta de voluntário e programei a volta do trabalho para minha casa no bom e velho expresso canelinha, para poder passar na oficina e tentar pegar meu carro (que não estava pronto). Por isso, inverti completamente a logística da malhação na Academia Amiga da DRS, ou melhor, meu Espaço de Metas. E assim, apesar de todo o planejamento, na pressa de sair de casa hoje cedo (para levar as crianças no colégio), esqueci a camiseta! Pois é, para não perder a malhação, fiz com camisa de botão (até rimou!). Atividade física concluída com sucesso!!!! Foram 10,2 km de Casa Forte até a Rua da Aurora, fazendo um desvio até a Av. Norte e voltando pelo espinheiro, Agamenon e Mário Melo. Valeu demais!!!! Agora fiquem com a sessão de fotos na academia:








COMO ANDA A ALIMENTAÇÃO?

Acertei em cheio na compra de um cará. Isso significa que o café da manhã e o jantar serão do cará, machucado com o garfo e um pouco de manteiga. Vida normal é tão bom! Kkkkkkkk. Mas no almoço e nos lanches abusei das saladas - respectivamente de folhas e frutas.


VOCÊ NÃO SABE OS PASSOS QUE DEI PRA CHEGAR ATÉ AQUI...

Tive uma pequena briga conjugal porque agora à noite eu não quis comer a bruschetta-surpresa, oferecida por minha cara-metade (uêpaaa!). Pior: ela jogou na minha cara que quando a bruschetta é na rua eu já comi mais de uma vez (UêÊpaAAA!!!).  Para quem não sabe, a cultura italiana impera aqui em casa, por isso as comemorações são sempre em torno de uma mesa. Recentemente (no ultimo sábado) fomos com a família dela para uma pizzaria e eu educadamente comi uma mini-bruschetta com tomate fresco e manjericão. Depois bati um pratão de salada caprese. Mas minha mulher marcou a bruschetta alheia, ainda que minúscula. Ciúme culinário é a primeira vez que vejo.



Um comentário:

  1. Bruchetta alheia foi ótimo!

    huehuehuehuehuehuehuehuehuehuehue

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu incentivo por escrito