domingo, 1 de dezembro de 2013

SEGUNDA TEMPORADA: Dia 25/365

A CAMINHADA

E mais uma vez perdi o timming para escrever o texto da caminhada deste sábado, numa consequência natural do evento para o qual viajamos milhares de quilômetros: o casamento do meu cunhado. Por incompatibilidade de agendas, terminei tendo que caminhar sozinho pelas ruas do bairro da Saúde. Como andei quase 10 km, cheguei a outra redondeza chamada Cursino, onde descobri um parque muito massa chamado Flávio Não-Sei-Quê-Lá. Na ocasião (15h), caminhavam no parque um idoso oriental e uma jovem senhora ocidental e seu Labrador, mas não quis importuná-los para falar da Dieta da Rede Social. Atividade física concluída com sucesso!!!!!! Foram 9,91 km na onipresente companhia do Menino Jesus!!!!! Valeu demais!!!!



COMO ANDA A ALIMENTAÇÃO?

Ontem foi o dia D, do casamento, portanto representou uma enorme ameaça a esta Dieta da Rede Social. Mas, como bem disse um amigo Eu: "estou caminhando para ter o direito de cometer uma extravagância de vez em quando". Comecei o dia com uma fatia de pão italiano com queijo prato e um copo de café com leite. No almoço, fui obrigado pela minha mulher a acompanhá-la com toda a família para o Mercado Municipal - onde todos (menos eu!!!) encararam um rabujo de sanduíche com um quilo de mortadela dentro. A minha opção foi um singelo bolinho de bacalhau  em formato fálico (uêpaaa!!!) que pesava 250g. Para o lanche da tarde, tomei emprestado do meu sogro um cacho de uvas verdes. Já o jantar foi top, depois do casório: magret de pato, carpaccio de salmão em julienne de palmito, legumes grelhados ao perfume de trufas, queijos, capeletti de pêra e gorgonzola etc e tal. Sutilmente ébrio com apenas uma dose de uísque, ousei repetir o prato e fui repreendido pelo meu amigo Diogo Cioba - que é Gente Que Faz. Assim, comi apenas 25% do segundo prato.

VOCÊ NÃO SABE OS PASSOS QUE DEI PRA CHEGAR ATÉ AQUI...

Felizmente a festança que sucedeu o casamento teve até bateria de escola de samba (Rosas de Ouro), que nos fez sambar ao som de clássicos como "O Que É, O Que É", "Ô Coisinha Tão Bonitinha do Pai", e sucessos de Tim Maia, Jorge Benjor etc e tal. Garanto que a malhação foi grande!!!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu incentivo por escrito